Admissão

Podem ser admitidos ao PIUDSS, de acordo com o Decreto-Lei 115/2013 de 7 de Agosto:

  1. Titulares do Grau de Mestre, ou equivalente legal, em Serviço Social ou áreas afins;
  2. Titulares de grau de Licenciado em Serviço Social ou áreas afins, detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelos órgãos científicos legal e estatutariamente competentes das universidades em associação, sob parecer da Comissão Científica e Coordenadora do Programa de Doutoramento;
  3. A título excepcional, os detentores de um currículo escolar, científico ou profissional relevante que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelos órgãos científicos legal e estatutariamente competentes das universidades em associação onde pretendem ser admitidos sob parecer da Comissão Científica e Coordenadora do Programa de Doutoramento.

O processo de seleção dos candidatos ao programa será realizado com base nos critérios de mérito científico conformes com as melhores práticas universitárias neste domínio e atendendo designadamente ao currículo escolar e científico dos candidatos e à proposta de investigação. Como referência adotar-se-ão os critérios de avaliação de mérito científico das Bolsas de Doutoramento FCT para a área das Ciências Sociais e Humanas na qual se inclui o Serviço Social.

PROCESSO DE CANDIDATURA

Prazos 2017

1ª fase|Candidaturas de 6 de fevereiro a 7 de junho
Resultados: 12 de junho
Matrículas: 19 e 20 junho
2ª fase|Candidaturas: 19 junho a 24 julho
Resultados: 27 julho
Matrículas: 28 e 31 Julho

Processo de candidatura em 2017

Faculdade de Ciências Humanas – UCP

Informações:

Secretariado de Curso
Ana Morais amorais@fch.lisboa.ucp.pt
Tel.: 217 214 202 | Fax.: 217 214 062

Taxas e Emolumentos:

A candidatura ao PIUDSS pressupõe o pagamento de uma taxa que não será devolvida aos candidatos não selecionados, bem como taxas e emolumentos devidos pela matrícula e frequência do Programa Interuniversitário de Doutoramento em Serviço Social que serão alvo de acordo entre as duas Universidades associadas.

Valor da Propina:

O valor da propina para o Programa Interuniversitário de Doutoramento em Serviço Social correspondente à designada propina FCT: 2750 euros por ano.

Apoios e Bolsas

Os doutorandos beneficiarão de seguro escolar, serviços de apoio e serviços sociais das universidades associadas, incluindo o acesso a alojamento e residências universitárias, de acordo com os regulamentos em vigor nas respetivas unidades de ensino. mais informação

BOLSAS: Os doutorandos poderão candidatar-se a bolsas individuais de Doutoramento da Fundação para a Ciência e Tecnologia",, bem como Bolsas Sylff ou outras, nos prazos e condições definidas para o efeito.

Os candidatos internacionais poderão ainda beneficiar de Bolsas atribuídas nos respetivos países de origem (CAPES, Ford, etc).

Na UC, possibilidade de Candidatura ao Programa de Apoio Social a Estudantes através de Atividades de Tempo Parcial (PASEP)